Luiza Sampaio em Versos

Para viver é preciso sonhar e amar!

Áudios

POEMA AO AMIGO
Data: 07/02/2010
Créditos:
Poema - Poema ao Amigo
Autora - Luiza Sampaio
Narração - Marcos Sérgio T. Lopes
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Favor citar o site www.luizafsampaio.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.









POEMA AO AMIGO 





Neste exato momento,

acarinhada pela brisa da madrugada,
preparada para escrever,
parei para refletir e meu coração ouvir
lembrei-me, então, de dias e noites
das recentes e daquelas há muito vividas
pensei nos acontecimentos que fizeram morada,
outros, nem tanto, passaram...

Mergulhei no caudaloso rio de recordações
cheguei a tocar em detalhes
que imaginava já esquecidos,
deixados no lugar onde soterrados
deveriam estar,
toquei também naqueles
gravados em branco e preto
e nos preferidos, mais bonitos, coloridos

Senti brotar de dentro de mim
antigas sensações,
por vezes, ainda tão presentes,

lágrimas que chorei, emoções contidas
alegrias e tristezas traçadas pelo viver
Revi meu longo caminhar...

A cada passo que percorri neste refazer,
percebi com entusiasmo
que sempre junto de mim estiveram e estão
pessoas amadas, queridas, solidárias
Reais?! Virtuais?!
Ah, não importa saber!

Nessa trajetória, a cada instante de vida,
havendo mudanças favoráveis, ou não,
com céu estrelado ou mar revolto,
permanecem comigo os anjos.... meus amigos,
testemunhando com carinho e compreensão,
as minhas derrotas e vitórias
e de mãos estendidas,
prosseguem me ajudando a crescer!
 





Enviado por Luiza Sampaio em 04/02/2007

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Favor citar a autoria de Luiza Sampaio e o site www.luizasampaio.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras